quarta-feira, 13 de julho de 2011

NICE PIC - uma imagem e uma história - [1]

NICE PIC (desculpem o estrangeirismo) é mais uma brincadeira participativa deste blog. Sem qualquer combinação algum ‘colaborador’ me envia uma imagem. 
O desafio é que embasado nas minhas impressões sobre a imagem, eu escreverei um breve conto. 
Depois de escrito, esse colaborador nos conta o porquê escolheu a imagem. SIMPLES ASSIM!

Olhava a madrugada pela janela do quarto, seu rosto já não transmitia qualquer emoção.

Quem disse que ser bonita era fácil? Uma vida inteira com o ego insuflado, confetes intermináveis à linda cor dos olhos, a pele clara e macia, aos longos cabelos sedosos, ao porte elegante e suas curvas delicadamente sensuais. 

Não tinha culpa se crescera com o barulho de tantos elogios, não teve culpa de acreditar que eles seriam eternos, assim como o assedio de seus muitos pretendentes. Possivelmente o excesso e a profusão de oportunidades amorosas fora o motivo de estar ainda sozinha a essa altura da vida, e a cada dia estava mais próxima do inverno.

Amigas não tinha, uma mulher bonita nunca tem amigas verdadeiras.

Nos últimos meses a melhor companhia foi de sua sobrinha de 19 anos e suas amigas, juntas passaram a frequentar as mais badaladas festas da cidade. Pensou que sua estrela ainda tinha brilho suficiente.

Entre gente jovem, bonita, que esbanjava energia e vitalidade, não precisou de muito tempo para descobrir que era apenas a “TIA” da carona. Queriam mais o seu carro que sua companhia. O publico masculino também não pareceu muito receptivo a quarentona fantasiada de adolescente. Definitivamente já não conseguia acompanhar aquela turma.

Com elogios extintos e eclipsada pelas jovens companheiras, não foi difícil a eleger o bisturi. Entregou-se sem delongas a mais renomada clinica da região. 

Hoje, insone como de costume, observava a madrugada com a fisionomia impassível. Um pequeno erro de milímetros, uma fatalidade, e o afiado bisturi havia encontrado um nervo em seu rosto, agora irremediavelmente paralisado.

Nunca mesmo foi fácil ser uma mulher bonita...

Essa edição do NICE PIC, quem mandou a imagem foi minha amiga Carol, do blog ELE NÃO! ELA SIM! E ela disse isso sobre a imagem dos patinhos:
 
“Esta imagem é a mais pura realidade de que até no reino animal há também preconceito com o que é diferente.
São animais de mesma espécie com distinção, apenas, na cor.
O que ocorre conosco. Somos seres humanos com coloração e pensamentos diferentes, mas não respeitamos isso.
Ainda creio que um dia tudo mudará e que o respeito existirá pelo que se pensa e como se age, e não pela cor da pele, ou das penas!”

12 comentários:

o Humberto disse...

Não sei do que gostei mais, João, da ideia, do conto, da foto ou do motivo da Carol. Muito sucesso isso!

Cara dura que sou, já vou tratar de escolher uma. Quando achar uma imagem que signifique muito pra mim te mando, posso?

Tô aqui, quase igual a protagonista do conto, sem conseguir dormir. Mas, graças a Deus, podendo mexer tudo, rs.

Bjo, querido, boa noite/bom dia.
;)

"Carol docE" disse...

E quando é que as 'nossas' ideias não dão certo? rsrs

Bem bolada.
Espero que essa contagie e estimule os teus seguidores a mandarem muitas imagens.

Aprovado.

Beijocas, vadio do meu core :)

Dan disse...

Ah! que ideia bacana!
já vou pesquisar uma foto aqui pra mandar.
me aguarde!

coitada da moça bonita!
:(

Fred disse...

Essa Carolzete é algo mesmo!
Tá... onde a gente se inscreve para mandar a foto/imagem? Vou catar algo bem ácido e mordaz... hehehe!
Hugz (com o perdão do estrangeirismo), JoãoPédeFeijão!

david era uma vez... disse...

Muito bom isso!
Gostei da historia da foto, da impressão sobre a foto... e claro, da Carol que é um charme!

Estou pensando muito em uma foto pra te mandar... e pelo que estou vendo por aqui, vai ter muito desafio pela frente meu querido amigo!!

Abraços

Michele P. disse...

Que fantásticos João! O conto e a ideia!
Também quero contribuir! Qual o e-mail para enviar a foto? =)

Um abraço!

Giane disse...

Oi, João!!!

Que criativo, gostei muito dessa idéia e fotos é que não faltam para enviar. Difícil é escolher uma bem desafiadora para você se inspirar!
Mas... Cadê o e-mail?
Parabéns pelo conto, foto e a explicação da Carol - tudo muito bem amarrado!

Beijos mil!!!

Vinicius.C disse...

Bom dia João!!
Passando para conhecer seu blog, muito bom- prometo voltar!

Deixo meu abraço e desejo um ótimo dia!

Se puder- venha conhecer o Alma!

Fatima disse...

Muito criativo!
Gostei muito!
Queria muito acreditar que um dia o preconceito vai acabar mas cada dia que passsa acredito menos.
Quem sabe a Carol é que tá certa né?!!!
Gostaria de participar!
Como é que eu faço?
Bjs.

Mulheres INDO disse...

oi !!! muito legal seu blogs eu amei ler as postagem, fica com DEUS.
VENHA VER NOSSO TRABALHO , SE VC GOSTA SEJA O MAIS NOVO SEGUIDOR DELE.

Mulheres INDO disse...

oi !!! muito legal seu blogs eu amei ler as postagem, fica com DEUS.
VENHA VER NOSSO TRABALHO , SE VC GOSTA SEJA O MAIS NOVO SEGUIDOR DELE.

Anônimo disse...

Olá, João!
Criativa a brincadeira! Feliz de quem ler o resultado dela!

Olha só, fiquei meio deprê com o conto de não ser mais o mais bonito... não que tenha sido merecedor de elogios e ter crescido sem culpa de ser bonito, não, não... deprê mesmo por às vezes cair a ficha (ou o cartão) de que "o mal não são os velhos, mas os jovens" rs.

Gde abraço!
Richard Mathenhauer

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...