quinta-feira, 26 de novembro de 2009

LUA NOVA

Tenho que variar meus posts, esse pé de feijão só tem falado de cinema ultimamente. Fazer o que se a safra de filmes tem me movido nesse sentido!!

Não poderia ficar de fora do fenômeno “CREPUSCULO - LUA NOVA”, até que eu tentei resistir, mas cansei de lutar contra, seguir a maré nem sempre é tão ruim.

Deixei para ver o 1º filme da serie próximo ao lançamento do 2º, então tem menos de um mês que fui apresentado a essa história de vampiros, lobos, amores truncados e ingredientes igualmente conhecidos. Apesar do filme (CREPUSCULO) ser meio paradão, gostei do contexto, gostei da repercussão, gostei do envolvimento das pessoas.

Agora que Lua Nova estreou, eu pude ver o tamanho da força dessa saga. O filme alcançou recordes de pré venda. Os cinemas se encheram de jovens tietes. Isso no meu dicionário se chama SUCESSO.

Deixei passar alguns dias para evitar as fãs mais inflamadas e os mal-educados eufóricos que certamente correram aos cinemas nos primeiros dias. Pra mim cinema tem que respeitar. Não importa o tipo de filme, tem que haver entrega do espectador, senão não há magia, a 7º arte fica de 5º categoria.

Os primeiros comentários críticos que ouvi a cerca do filme foram desanimadores e arrefeceram minha sede, mas depois vieram outras opiniões menos severas e mais cheias de estrogênio, não que fossem irrelevantes, mas certamente eram defectíveis.

Hoje pude desvelar o mistério. Agora tenho minha opinião.

MUITO BOM o filme. Acho que as pessoas que criticam negativamente não usaram os critérios e parâmetros certos. Não to aqui dizendo que é o melhor filme de todos os tempos, não to dizendo que todo esse frenesi se justifica, apenas digo que o filme dentro do que ele se propõe é muito bom.

Gostei e pronto.

Como acontece em adaptações de livros, dentro do filme se passa muita coisa, muita historia. Achei tudo bem amarradinho. Achei bonitinho o dilema da heroína entre seu amor pelo lobo e pelo vampiro. É adolescente? Isso é sem duvidas!

Agora vamos esperar o próximo. Em 2010 tem mais... Quem sabe até lá eu já amadureci mais e não tenha o menor interesse nesse tipo de ‘cinema pipoca’, mas sinceramente, espero não estar maduro a esse ponto!

2 comentários:

Jay e Alê disse...

É eu também relutei em me render à série, mas vencido, dei a mão à palmatória. E quem não precisa de um pouco de fantasia e futilidade na vida e dessas coisas se a gente souber ler com clareza, ainda se pode tirar uma lição de vida.
Tudo pode nos ensinar...
Abraço

railer disse...

esse eu vou ver amanhã! então não vou ler essa postagem, pelo menos por enquanto, ok?

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...